Print Proposals // Ludwika Zytkiewicz-Ostrowska

.     

Ludwika Żytkiewicz- Ostro
www.ludwikazytkiewicz.com

PRINT PROPOSALS é uma série de exposições na galeria Cozinha com os artistas convidados no âmbito da Pós-graduação em gravura e programa PURE PRINT PORTO. Cada exposição revela o trabalho onde a impressão e as suas várias formas resultam em obra, seja ela um livro, formas criadas em têxtil, vidro, ou papel. O percurso criativo dos artistas, apresenta-se como uma forma de dar a conhecer os contornos possíveis para um campo de actuação de cariz tradicional e inovador, promovendo o conhecimento sobre a gravura. Durante a duração da exposição, cada artista contribuirá com uma sinopse sobre o seu trabalho sob a forma de um cartaz manifesto e uma apresentação na espaço galeria Cozinha.

“Estou interessada em imprimir sobre têxteis no seu sentido mais amplo, desde técnicas antigas até a serigrafia e design.
Comecei a misturar o tradicional shibori Arashi com o conceito de arte moderna à medida que procurei o meu próprio modo de expressão. Este método japonês permitiu-me inúmeras técnicas complexas, como uma forma de tingimento resistente. As peças tridimensionais são feitas de seda tingida, retendo a textura fundamental dos padrões de shibori.”

“A técnica shibori Arashi, tornou-se um impulso subconsciente para encontrar harmonia entre a matéria da seda e a ideia artística.”

“I am interested in printed textile in their widest sense, ranging from old techniques to screen-printing and design. I find inspiration wherever I am. In my own creative work . I began to mix traditional shibori Arashi with modern concept of art as I searched for my own way of expression. I make my artworks of silk. The Japanese shibori method has given us numerous complex techniques such as shaped resist dyeing. I have used shibori to create unique new surfaces with extraordinary sculptural form. The three-dimensional pieces are made from dyed silk, retain fundamental texture of shibori patterns, they take on abstract shapes. Some are made from performed and cut-out textiles and are shown as illuminated sculptures. My fascination with shibori is also displayed in reliefs, objects and installations. Shibori has become my profession, my obsession, and my life for over ten years now. The shibori Arashi technique, which I used previously, has become a subconscious impulse to find harmony between the silk matter and the artistic idea. As a result I created works which combined fabric and the way it can be used, a vision and reality. I limited my colour range so that the entire attention of the recipient focused on the essence of matter, its processing and the reception of the installation. The individual elements of the mobile composition were arranged in a larger whole, depending on the context of place, time and space”